ONGs

ONG Tororó Sana

A Associação de Proteção ao Patrimônio Ambiental e Cultural Tororó Sana - APPACTS foi fundada em 2012 e tem sua sede na APA do Sana. ONG de direito civil, apartidária, autônoma e com personalidade jurídica sem fins lucrativos.

A ONG surgiu com o propósito de promover atividades na área de educação ambiental em diversos níveis da sociedade e zelar pela conservação e preservação os recursos naturais do local.

Além de incentivar e apoiar os projetos sociais e culturais já existentes na regiãoa ONG tem como perspectiva, implementar novos projetos e ações que proporcionem o desenvolvimento socioeconômico ambiental e cultural sustentável na bacia hidrográfica do rio Macaé e na APA do Sana.

Contatos:

Tel.: (22) 27932627

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Grupo de Defesa Ecológica Pequena Semente

O Grupo de Defesa Ecológica "Pequena Semente" atua no Sana desde 1993 e é fruto do trabalho em conjunto feito por pessoas preocupadas com a qualidade de vida do planeta e em parceria com a Prefeitura de Macaé.

O objetivo fundamental da ONG é a realização de atividades com o objetivo de promover a educação ambiental.

O grupo trabalha em ações para evitar o desmatamento e a ocupação desordenada de novos trechos da Mata Atlântica, principalmente quando situados à margem dos rios (matas ciliares) e diminuir a poluição dos mananciais aquáticos que abastecem a população local.

A Instituição tem um importante papel como agente zelador do meio ambiente, cumprindo o seu direito e dever, atuando como fiscalizador e informador de prática de crimes ambientais na região.

Monitoramento das Cachoeiras e Trilhas do Sana

O Grupo desenvolve um trabalho de educação ambiental e monitoramento das cachoeiras e trilhas do Vale do Peito do Pombo. As cachoeiras são uma excelente opção de lazer e diversão, mas não devemos nos esquecer que, alguns cuidados são necessários.

Prudência na hora de caminhar pelo leito do rio, para evitar quedas provocadas por pedras escorregadias, assim como não entrar em poços quando a força da correnteza e o nível da água estão acima do normal.

No verão é preciso estar atento às possíveis trombas d'água ou Cabeça d'água; que consiste em um grande volume de água acumulado nas cabeceiras dos córregos, devido a fortes chuvas, formando barreiras que se rompem, descendo o rio com muita força, trazendo galhos e pedras.

Atenção:

  • Observar o tempo nas cabeceiras, céu escuro sujeito à tempestade;
  • Observar o nível da água se está subindo repentinamente com galhos e folhas;
  • Observar a cor da água se está ficando “barrenta” (marrom);
  • Siga as orientações dos monitores ambientais e obedeça a sinalização.

Em caso de dúvida ou maiores informações:

Grupo de Defesa Ecológica Pequena Semente
Rua José de Jesus Júnior, Nº 43 – 6º distrito de Macaé.
Tel: (22) 27932668 E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.